Tempo de leitura: 4 minutos

Você tem priorizado a qualidade ou quantidade em suas atividades físicas? Com uma rotina intensa, onde estamos sempre correndo contra o tempo, muitas vezes nos tornamos imediatistas, especialmente quando se trata de obter sucesso nos treinos. Entretanto, para conquistar bons resultados é necessário mais que dedicação, você precisa seguir as recomendações dos profissionais especializados na área, que podem direcionar o treino para os seus objetivos.

 

E, como os alunos do Studio Mormaii sabem, nosso maior objetivo é levar o movimento para a vida das pessoas, e proporcionar a melhor experiência a elas, sejam atletas profissionais ou iniciantes, que estão à procura de opções diferenciadas e dinâmicas de exercícios físicos. Assim, acreditamos que entre qualidade ou quantidade, a velha máxima de que qualidade é mais importante que quantidade deve sempre prevalecer. 

 

Pensando em esclarecer suas dúvidas sobre o tema, a Gerente Técnica da Mormaii Fitness, Juliana Rocha, respondeu alguns questionamentos referentes à qualidade ou quantidade dos exercícios físicos. Acompanhe!!

 

 

Qualidade ou Quantidade: o que você precisa saber

 

1] Qual é a quantidade recomendada de exercícios por semana? 

O ACSM (American College of Sports Medicine) e a OMS (Organização Mundial da Saúde) recomendam 150 minutos semanais de atividade física leve ou moderada (cerca de 20 minutos por dia) ou, pelo menos, 75 minutos de atividade física de maior intensidade por semana (aproximadamente 10 minutos por dia), quando não houver contraindicação. Algumas bibliografias atuais chegam a recomendar 300 minutos moderados por semana, ou 150 minutos vigorosos. É importante ressaltar que qualquer movimento conta! Subir e descer escadas, descer alguns pontos de ônibus antes da parada, caminhar para o trabalho. 

 

2] Por quanto tempo você deve se exercitar a cada treino?

Isso depende do tipo de exercício que será feito, da intensidade, de lesões ou algum problema físico ou metabólico! É importante definir tempo, tipo e quantidade de forma bem individualizada e progressiva. Mas de uma forma bem geral, exercícios cardiorespiratórios podem ser realizados com 30 a 60 minutos de exercício de intensidade moderada (cinco dias por semana) ou 20 a 60 minutos de exercício de intensidade vigorosa (três dias por semana); exercícios com pesos, dois ou três dias por semana; flexibilidade, dois a três dias por semana. As aulas no Studio Mormaii, atualmente, têm duração de 50 minutos, englobando todos os componentes físicos essenciais para uma boa saúde, em todas as aulas!

 

3] A duração do exercício pode  influenciar  no surgimento de lesões?

Não só a duração, mas se o indivíduo está preparado para receber essa alta carga de exercícios. Carga pode ser em duração, intensidade, pesos, entre outros. O acompanhamento das atividades físicas realizadas deve ser sempre feito por profissionais de Educação Física registrados no CREF, que é o órgão responsável pela regulamentação da profissão.

 

4] É melhor investir em treinos mais rápidos e intensos ou mais demorados e com pausas para descansos?

Isso depende do objetivo e do nível de preparo e condicionamento dos indivíduos. Estudos atuais demonstram maiores resultados em treinos mais curtos e com mais intensidade. Mas, novamente, não são todas as pessoas que estão prontas para receberem treinos como estes. É importante fazer um trabalho progressivo e cauteloso.

 

5] Como é possível reconhecer que seus treinos estão oferecendo a qualidade que você merece?

Avaliando os resultados, a partir do momento que iniciou os treinos. E, mais importantes do que apenas resultados estéticos, são os relacionados com bem-estar e qualidade de vida! A qualidade de sono melhorou? Está mais disposto durante o dia? Aquela dor lombar, por ficar sentado por muitas horas, melhorou? Consegue brincar com seu filho, sem se sentir cansado? Sobe aquele lance de escadas no trabalho, sem chegar lá em cima com o coração acelerado, ofegante e com as pernas “ardendo”? Se sente melhor com seu corpo? Mais feliz? Hoje percebe menos ansiedade? A lista é longa!

 

6] Como  o Método Mormaii relaciona qualidade e quantidade em cada treino?

 Todos nossos treinos são programados a partir de uma Periodização. Esta periodização dura 12 semanas e é dividida em 3 blocos. Sempre priorizamos qualidade! Então avaliamos como estão os padrões de movimento, mobilidade e estabilidade do aluno, para que seja direcionado um trabalho para as necessidades desse aluno. A partir daí, trabalhamos com uma evolução bem cautelosa com o aluno, sempre respeitando suas individualidades. Volume e intensidade dos treinos são progressivos e vão aumentando conforme as semanas da periodização.

 

7] Qual a melhor forma para potencializar treinos curtos? E treinos longos?

Independente do tempo de duração do treino, a qualidade é o ponto mais importante. Depois dele, a intensidade (que é bem relativa, de acordo com o condicionamento de cada pessoa). A qualidade de movimento proporciona maior solicitação do organismo como um todo, mas principalmente, minimiza os riscos de lesão. 

 

8] Como o Studio Mormaii auxilia você a priorizar a qualidade nos exercícios? 

A base da nossa Metodologia é olhar para o corpo como um todo, através de diferentes prismas, trazendo informações que convergem em uma mesma aula, com o foco no movimento. Olhar através dos músculos, articulações, fáscias e cadeias musculares, resultam em um trabalho amplo, integrado e que busca trazer qualidade de vida e de movimento para nossos alunos. Nossas aulas são em pequenos grupos, o que favorece um trabalho muito mais customizado e uma atenção bem individualizada. 

 

Agora que você já sabe o que realmente importa na atividade física, que tal acessar o site da Mormaii e contatar um de nossos especialistas? Invista em você com o auxílio de quem entende sobre qualidade!!

 

Compartilhe

Comentários